Estou a ler "Danças e Contradanças" de Joanne Harris, trata-se de um livro de histórias sarcásticas que comecei hoje, confesso que esta tarde enquanto esperava entre as reuniões de avaliação li 104 páginas em duas horas! A história que mais me impressionou foi "A irmã feia" onde a irmã feia da Cinderela conta a sua versão do conhecido conto da Cinderela... é mesmo muito interessante! Até o Lobo Mau (da história do Capuchinho Vermelho) entra como personagem... é mesmo algo que nos faz pensar duas vezes antes de acreditar-mos no que ouvimos.
Este excerto revela um pouco do que estou a mencionar:

"...Éramos ambas raparigas bastante vulgares. Quando corríamos, bamboleávamos as banhas. Tínhamos uma tez descorada e cabelo encrespado... A Menina Presunçosa era rosada, esbelta, de estatura perfeita. Qualquer pessoa tê-la-ia odiado... para uma irmã feia nunca há um Para Sempre. Nunca ninguém pensou em escrever um, como é de calcular. Estavam todos demasiado ocupados a desfalecer perante Sua Alteza Presumida e os seus pezinhos perfeitos. E a nós, o que é que nos aconteceu? Desaparecemos? Não, o que aconteceu foi o seguinte: nós, as Irmãs esquecidas - e que nos convertemos depois nas Irmãs Feias, nas Bruxas e nas Parcas da Divina Comédia - entrámos na lenda, difamadas ao longo do percurso..."

10 comentários:

lune disse...

Sim, eu nunca fui muito com as histórias da Disney onde as princesas são todas lindas e perfeitas e acabam sempre com a merda dos seus princepezinhos, por isso é que nós mulheres temos a cabeça marada na tal busca do homem dos sonhos, enfim...sindrome de cinderela, mais uma para juntar ás noias todas que nós temos, considero esse tipo de histórias fúteis, imaturas, e nada aconselhavel a crianças, pois ensina o que já nos é impingido diáriamente por todos os lados, que temos que ser lindos, e perfeitos, tudo tangas, agora o SHREK, esse sim parti-me a rir,e esse sim demonstra um outro lado da vida, que não precisamos de ser perfeitos e devemos ser felizes como somos e não como deveriamos ser, e nesse filme goza á força toda com pequenas cenas dos filmes da Disney, Só houve um filme da Disney que roubou o meu coração e fez-me chorar sempre que o via, que nervos...MAS atenção, só um...
Até tenho vergonha de dizer qual ..
" Papuça e dentuça ", pronto já está, mas foi o único, humpf...
E sempre achei o capuchinho vermelho super irritante, torcia sempre para que o lobo mau comesse toda a gente :)...não me leves a mal, é que eu adoro lobinhos..
:)
Beijos
Jaci

Trequita disse...

@lune
sempre me fez confusão a parte em que abriam a barriga do Lobo Mau para tirar a avózinha lá de dentro! outra coisa que sempre me irritou foi que as princesas eram sempre louras (excepto a Branca de Neve)

Zig disse...

Bem, não posso discordar mais. Histórias são histórias, e os irmãos Grimm souberam escrevê-las como ninguém. Nunca se pode esquecer que foram escritas numa época de trevas onde acreditavam em bruxas e essas coisas todas.
Por outro lado, muitas dessas histórias foram escritas para crianças, e não para os adultos e muito menos para eles os avaliarem! Lembro-me muito bem quando era criança, adorava ler e ouvir essas histórias. Puxaram pela minha imaginação, fizeram-me sonhar.
Tudo tem o seu tempo!

Trequita disse...

@blog do zig
não percebeste, eu até não tenho nada contra os contos e acho que alguns até têm um fim educativo...nunca suportei a imagem que se odoptou para estas personagens...

apenas achei interessante a versão contada pelos vilões habituais dessas histórias...

jm disse...

Olá!!
Não li esse livro, mas parece ser interessante!
Já tomei nota!;)
Bjs

Trequita disse...

@jm

Acho que se entrasse numa livraria nunca compraria este livro mas foi-me oferecido :) de qualquer forma é fácil de lêr, dá para pensar e dar umas boas gargalhadas.
Bjs

Trequita disse...

@jm

Acho que se entrasse numa livraria nunca compraria este livro mas foi-me oferecido :) de qualquer forma é fácil de lêr, dá para pensar e dar umas boas gargalhadas.
Bjs

Lunna disse...

Deixaste-me com 'água na boca' para ler este livro.. :)

E sim... Ao longo do tempo foram transmitidas estórias de geração em geração para auxiliar na educação que pretendiam que as pessoas tivessem... E sempre foi estimulado o culto da beleza exterior... E estimulada a obediência feminina, e vocação para tarefas domésticas..
Enfim.. Ainda hoje transmitimos isso de conto em conto (ou melhor, de dvd em dvd...).

Mas confesso que adorei todas as estórias da Disney... Ainda hj... Adoro princesas e príncepes... Prefiro ainda acreditar em contos de fadas.. Porque dissipam por momentos a ideia do real.. E só nesse sentido acho que os contos da forma original (sem irmãs feias, com pés grandes e banhas...).

(acho que já me perdi algures na conversa.. lol)
Enfim.. Vou comprar o livro.. E esta é a ideia principal...

bjo

Trequita disse...

@lunna
esta é apenas uma das histórias do livro, agora estou numa em que uma idosa que vive num lar prepara a sua fuga para ir comprar uns sapatos vermelhos com 10cm de salto!

Lunna disse...

lol... às vezes o exagero é uma forma de nos incentivar... outras, mero ridículo..

Enfim.. afinal vou espreitar melhor o livro antes de o comprar :)

sm

Arquivo do blogue